Antes de começar a correr meus primeiros quilômetros aprendi a andar. Eu era sedentário, e as primeiras caminhadas foram curtas e cansativas. Depois resolvi começar a correr. Nunca me esquecerei da primeira corrida que me propus fazer. Imaginei que correr 3 quilômetros seria muito fácil, afinal, eu já caminhava mais do que isso. E, para minha total surpresa, não consegui concluir a corrida. Fiz várias pausas. Me frustrei. Ao compartilhar a experiência com um amigo que já corria a muito tempo ouvi a seguinte sugestão: caminhe por mais tempo. E, quando começar a correr, intercale correr e caminhar. Aceitei o conselho e voltei a caminhar, comecei a caminhar mais rápido, depois a intercalar corrida e caminhada e já se passaram alguns anos desde que isso aconteceu. Lição aprendida: antes de correr é necessário caminhar. E até mesmo quando começamos a correr, a caminhada estará presente. E será assim depois de uma lesão ou quando estivermos muito cansados. A lição também foi aprendida na vida: antes de um desafio maior (corrida) é necessário vencer os desafios menores (caminhadas). Os grandes empreendimentos serão precedidos por pequenas vitórias, erros e acertos, experiência e por fim, preparados para algo maior, começaremos a empreender as distâncias maiores da vida. Não ignore as pequenas coisas, pois elas te prepararão para as maiores. Aliás, essa é uma recomendação Bíblica: “Não desprezem os começos humildes…” (Zacarias 4:10a). Se é tempo de caminhar, então não corra. Chegará o momento de aumentar a velocidade e partir para um ritmo mais atlético!

+6