“Guarda-me, ó Deus, pois em ti me refugio” (Salmos 16:1)

Perigos nos cercam de diversas formas. Alguns maiores, outros menores. Mas, diante de todos eles, nos sentimos desprotegidos e logo vem à nossa garganta o famoso grito pedindo socorro. Logo procuramos um lugar para nos refugiar ou alguém para nos proteger. É esse o contexto em que o salmista faz um pedido a Deus: “guarda-me”. O contexto desse pedido vem acompanhado de uma declaração de fé: “pois em ti me refugio.” Não basta pedir socorro a Deus: é necessário crer que Ele nos guardar protege. Deus é poderoso para nos guardar. Cabe a nós confiar plenamente Nele e desfrutar do seu cuidado em nossa vida.

+3